Informação CEDEAO

Prémio de Excelência da CEDEAO: concedido a quatro cidadãos da Comunidade pelos Chefes de Estado durante a 60ª Cimeira da CEDEAO em Abuja

15 Dez, 2021

Durante a Cimeira dos Chefes de Estado e de Governo da CEDEAO realizada no domingo, 12 de dezembro de 2021, em Abuja, na Nigéria, quatro cidadãos da CEDEAO foram recompensados em diversos domínios, através do Prémio de Excelência da CEDEAO.

O Prémio de Excelência é regido pela Decisão A/DEC.2/06/17 sobre o estabelecimento dos critérios e dos procedimentos de atribuição do Prémio de Excelência da CEDEAO, adotada pela 51ª Conferência dos Chefes de Estado e de Governo em junho de 2018. Tem como objetivo promover a excelência e o mérito de pessoas singulares ou coletivas que, através dos seus atos, das suas iniciativas, da sua criatividade e dos seus serviços, contribuíram imensamente para a promoção da integração regional, a paz e o desenvolvimento socioeconómico do espaço CEDEAO.

Esse Prémio compreende três categorias: Categoria 1: Prémio de Ciência e Tecnologia, Artes e Letras apetrechado de três (3) subcategorias que são a Ciência e Tecnologia, Artes e Letras; Categoria 2: Prémio de Honra para Personalidades Eminentes; Categoria 3: Prémio destinado aos cidadãos merecedores da Comunidade.

 

Para este ano, o Júri do referido Prémio reuniu-se de 18 a 21 de maio de 2021 para examinar as candidaturas apresentadas pelos Estados-membros e, após deliberação, conferiram o Prémio de Excelência aos seguintes laureados:

  1. i) Categoria 1 : Prémio de Ciência e da Tecnologia, Artes e Letras
    1. Ciência e Tecnologia: Professor Basile KOUNOUHEWA do Benim pela fabricação de uma cabina de desinfeção;
    2. Artes (cinema): Senhora Loukou Akissi Delphine de Côte d’Ivoire, mais conhecida por  Akissi DELTA, realizadora de séries televisivas, pela qualidade e riqueza da sua produção cinematográfica difundida e reconhecida em vários Estados-membros da CEDEAO;
    3. Artes (arte dramática): Senhora Werewere Liking-Gnepo de Côte d’Ivoire, autodidata e autora de arte dramática, pela qualidade e riqueza da sua produção artística reconhecida em vários Estados-membros da CEDEAO;
  2. ii) Categoria 3: Prémio destinado aos cidadãos merecedores da Comunidade: Senhora Leymah Gbowee da Libéria pelo seu contributo para a paz no seu país durante a guerra civil de 2003. É igualmente colaureada do Prémio Nobel da Paz de 2021 com Sua Excelência a Senhora Ellen Johnson Sirleaf, ex-presidente da Libéria e a Senhora Tawakkoul Karman.

 

O Prémio de Excelência da CEDEAO foi remetido por Sua Excelência o Senhor Nana Addo Dankwa Akufo-Addo, Presidente da República do Gana, Presidente em exercício da Conferência dos Chefes de Estado e de Governo da CEDEAO.

Na tarde do domingo, 12 de dezembro, os laureados foram recebidos pelo Presidente da Comissão da CEDEAO, durante um jantar. Foi a ocasião de Sua Excelência o Senhor Jean Claude Kassi BROU, felicitar os felizes beneficiários desses Prémios e de os exortar a esclarecer a juventude por meio das suas ações.

 

Em jeito de recordação, o Prémio de Excelência é lançado anualmente e as candidaturas provêm dos Estados-membros, quer uma só candidatura por categoria, quer  por sub-região.

Estados Membros